terça-feira, 26 de maio de 2009

#023 (Re)encontra-te

Quando estamos tristes, sabemos que os amigos, os verdadeiros amigos, estarão aqui, ao nosso lado.
Quando estamos doentes, sabemos que os amigos, os verdadeiros amigos, estimarão mesmo as nossas melhoras.
Quando a vida não nos sorri, sabemos que os amigos, os verdadeiros amigos, se preocupamrãocom o nosso bem estar.
Quando nos encontramos, quando nos (re)encontramos, sabemos que os amigos, os verdadeiros amigos, esses ficarão contentes, por vezes ardentemente contentes.
Os dias são todos diferentes e, contudo, não poderiam ser mais iguais uns aos outros.
Com a vertigem da vida quotidiana, quem tem tempo para ser igualitário e promover a dita igualdade, corrigindo os defeitos da desigualdade que pulula, latente e activa, nas vidas de toda a gente?

1 comentário:

Light Wings Above disse...

E eu digo que todos Nós...Basta para isso, claro, QUERER-MOS!!!